Publicado por:

Cuidados com o piso: antes, durante e depois da obra

Atualmente os revestimentos são quase como obras de arte. Texturas, cores, design e todas as características dos pisos são extremamente delicadas. Por isso, é essencial ter um cuidado com essas peças antes, durante e depois da obra.

A escolha do piso é um dos pontos mais importantes do projeto de décor, afinal, ele deve valorizar o estilo da casa e fazer com que tudo fique mais aconchegante e estiloso. O revestimento ideal deve estar em perfeita harmonia com o ambiente, porque desta forma, vai destacar todos os elementos do cômodo, como mobília, iluminação e objetos de decoração. 

Na hora de escolher, não faltam opções de tamanhos, acabamentos, materiais, cores e formatos, por isso, é preciso levar em consideração alguns aspectos fundamentais para ajudar nesta tarefa, antes da obra começar. 

Como é a personalidade das pessoas que frequentam o espaço, o clima da região, o estilo da casa, se é área externa ou interna, além de detalhes técnicos como manutenção, instalação e durabilidade.

Foto: Pexel

Os pisos em revestimento cerâmico, em especial o porcelanato, são os queridinhos entre designers de interiores e arquitetos. 

Seja por conta da baixa absorção de água, pela cor se manter original por mais tempo ou pela facilidade de manutenção e limpeza. 

Mas, apesar de simples, alguns cuidados antes, durante e depois da obra, são fundamentais para manter a durabilidade e a beleza do piso, seja o porcelanato ou qualquer outro revestimento cerâmico. 

Neste artigo vamos apresentar dicas técnicas e todos os cuidados que se deve ter com o piso em todas as etapas da obra. 

Acompanhe até o final e entenda tudo que deve ser feito para que o seu piso se mantenha sempre impecável. 

Confira os cuidados necessários para a manutenção adequada do seu piso em revestimento cerâmico. O que fazer antes, durante e depois da obra. 

Cuidados que se deve ter antes mesmo da obra começar

A escolha do revestimento ideal para uma obra vai muito além das preferências estéticas. 

Não que a beleza, o formato e a cor do piso não sejam importantes, porém, é preciso levar em consideração outros fatores, como por exemplo as características físicas do espaço onde será aplicado. 

E ainda, se haverá fluxo intenso de pessoas, se a área é interna ou externa, se há umidade ou calor.  

Outro fator importante é se haverá paginação do piso já que esta etapa, envolve cálculos de material, metragem e corte das peças. 

Áreas maiores permitem trabalhos mais elaborados, formatos e texturas distintas, já os espaços menores, a paginação ajuda a criar uma sensação de amplitude mas, é preciso ter o mínimo de quebras possíveis. 

É também na fase da paginação que começa a instalação do revestimento e a definição de como será o assentamento. 

Foto: Pinterest

Por último, mas não menos importante, é preciso ter muito cuidado com o transporte do revestimento até o local da obra, ou seja, é essencial se certificar de que a entrega é feita com cuidado. 

Para esta questão, a melhor maneira é optar sempre por fornecedores confiáveis e de respeito no mercado. 

Durante a obra também é preciso atenção 

O armazenamento feito com segurança ajuda na conservação do seu revestimento. 

Um espaço adequado evita quebra, riscos ou qualquer outro tipo de dano nas peças. Além disso, todos os trabalhadores envolvidos na obra devem seguir à risca o planejamento relativo à paginação para evitar qualquer tipo de surpresa no resultado final da aplicação. 

A importância da primeira higienização após a finalização da obra

A primeira limpeza depois que a obra acaba é uma das mais importantes etapas para a conservação do piso. 

Ela precisa ser feita com cuidado porque muito provavelmente ainda pode haver alguns resquícios de materiais abrasivos na superfície do porcelanato, como cimento e grãos de areia. 

A primeira faxina, quando é feita da maneira correta, evita o aparecimento de manchas superficiais, o desgaste prematuro do revestimento e também facilita a higienização diária. Realizar este processo é fundamental e vale dizer que a limpeza após a  obra é diferente da limpeza feita no dia a dia.

Antes de começar a limpeza é preciso garantir que a argamassa esteja completamente seca. 

Antes disso, não é indicado passar nem água por cima do rejunte para não comprometer o acabamento. 

Uma vez seco, já é possível caprichar na limpeza! A higienização mais elaborada deve ser feita no mínimo em 3 dias e no máximo em 14 dias após a colocação do revestimento e rejunte. 

Esse tempo é fundamental para a cura do rejunte, que não deve receber água antes do tempo indicado pelo fabricante. 

É importante ressaltar que se for rejunte epóxi, deve ser limpo imediatamente para que não grude na peça, caso contrário, pode nunca mais sair.

Os 6 passos para se fazer na primeira limpeza do piso  

  1. Com uma vassoura macia ou com um pano seco, retire o excesso de poeira e sujeira de todo o piso; 
  2. Com uma esponja úmida, esfregue cuidadosamente o porcelanato, para garantir que restos de rejunte, cimento ou argamassa sejam totalmente removidos;
  3. Durante a realização da obra é comum manchar o porcelanato com respingos de tinta. Para retirá-las, o mais indicado é utilizar solvente orgânico. Faça testes em pequenas áreas do porcelanato e confira a qualidade e eficácia do produto. Tenha atenção para não deixar o solvente agindo por muito tempo sobre o piso.
  4. Pode apostar também em uma limpeza com vinagre branco, saponáceo líquido, detergente neutro e água;
  5. Enxágue o piso com água;
  6. Aplique um produto específico para limpeza de porcelanatos, facilmente encontrado em lojas de materiais de construção e siga as recomendações do fabricante .
  7. Limpe toda a sujeira apenas com água e o seu porcelanato está pronto!